PLANO ESTRATÉGICO DE BASE TERRITORIAL DA AMP

O presente documento constitui o resultado da avaliação territorial levada a efeito no âmbito do processo de preparação do próximo período de programação dos fundos estruturais e constitui-se como o Plano Estratégico de Base Territorial da Área Metropolitana do Porto. Trata-se de um exercício de diagnóstico que não pretende ser exaustivo, nem tão pouco neutro, pois serve um propósito claro, previamente assumido, que o deve orientar: dotar a Área Metropolitana do Porto de um quadro estratégico de ação que permita maximizar e otimizar os impactos no território objeto da sua intervenção, decorrentes da aplicação dos fundos estruturais, durante o período de 2014-2020. Atento este objetivo central, foram consensualizados um conjunto de princípios orientadores do trabalho que deveriam estar presentes ao longo das diversas fases do processo da sua elaboração:

Favorecer o envolvimento e a participação dos parceiros institucionais mais relevantes e cuja ação é determinante em todas as etapas do processo de desenvolvimento regional;

Centrar a análise e avaliação, bem como mais tarde a estratégia e o plano de ação, nas prioridades da Europa 2020, concretizadas em objetivos estabelecidos ao nível europeu, nacional ou regional, garantindo assim a exigida coerência e alinhamento estratégicos.

A estrutura adotada para o documento reflete, consequentemente, o compromisso entre os pressupostos enunciados e os vetores relativos ao referencial da Europa 2020, às novas orientações da Política de Coesão e às estratégias nacional e regional, plasmados em três linhas de orientação, denominadas de “crescimentos”:

Crescimento Inteligente;

Crescimento Sustentável;

Crescimento Inclusivo.



Caracterização da AMP


A AMP e o seu Território

O Porto, cidade com as suas referências inscritas na história, afirma-se hoje como cidade-pólo, embrionária da grande região que é hoje a Área Metropolitana do Porto (AMP). Localizada no Litoral Norte de Portugal, a AMP abraça uma zona geográfica composta, actualmente, por 17 municípios contíguos, numa área aproximada de 2.040 Km2 com uma população residente a rondar 1.700.000 habitantes. Todos estes concelhos assumem as suas particularidades mas convergem numa complementaridade pela diversidade, na qual a AMP é, sem dúvida, um portador e promotor dessa coesão.


A AMP e os seus Municípios

Os 17 concelhos que compõem a Área Metropolitana do Porto apresentam características únicas e identitárias que conferem ao território metropolitano a sua diversidade cultural. Essa identidade/diversidade está refletida na multiplicidade de ofertas de programas gastronómicos, desportivos, de natureza e culturais, que oferecem aos visitantes e aos conterrâneos vivências e experiências únicas.


A AMP em Números

A Área Metropolitana do Porto disponibiliza informação estatística que dá a conhecer as principais características da população, da habitação, da educação, do ambiente, da saúde e da dinâmica económica do seu extenso território.


PÓVOA DEVARZIM VILA DOCONDE TROFA MAIA VALONGO GONDOMAR PAREDES MATOSINHOS PORTO VILA NOVADE GAIA ESPINHO SANTA MARIADA FEIRA SÃO JOÃODA MADEIRA OLIVEIRADEAZEMÉIS VALE DECAMBRA AROUCA SANTOTIRSO